sexta-feira, 22 de julho de 2016

TEXTO - PONTOS DE AMOR

PONTOS DE AMOR

A noite está quente. E brilha, à luz da lua. Essa lua tão familiar.
Assim como a saudade que age em meu íntimo, reluzindo sua imagem. 

Posso rever seu olhar passeando em minhas observações, meu papo furado, naquele nervosismo que a gente sente quando pretende impressionar e fazer bonito. Marcar ponto.
 
Tão bom quando vale à pena e a gente tem bons papos, bons momentos e muitos pontos a favor de novos encontros. Melhor ainda quando avaliamos a situação e podemos tirar um dez do bolso e acrescentar no placar final.
 
Mas a vida não é um jogo e, apesar de você estar vencendo no quesito “tirar de letra” pode me assegurar que ficaremos bem, não é? Porque saudade é quando conseguimos lembrar e sorrir, mesmo com o coração apertado, espremido, mas pronto para ser campeão em mais uma prova da vida. A de fazer a história ser lembrada, por mais que possa doer. 

KG Kati

2 comentários:

  1. *O nervosismo é inevitável Kátia, as mãos suam, as palavras costumam fugir . . . Mas isso são certezas que o amor está acontecendo.*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E como é bom termos tanto as sensações como as certeza, não é mesmo, +Urss Alfa? Obrigada pelo carinho e comentário, meu amigo. Ótima noite pra você.

      Excluir

Seja bem vindo! Seja um seguidor do blog e comente!