domingo, 28 de agosto de 2016

Poesia no blog. - SEM CONVICÇÃO

Querido leitor.

Tem dias que a gente acorda meio “lastimoso”, meio desenxabido. 

As horas não passam e os programas não atraem. Tem dias que queremos somente o conforto da solidão. Sem nem poder olhar o reflexo no espelho. 

Tem dias que somos pura carência de nós.
Então, só nos resta escrever poesia.

SEM CONVICÇÃO
Tem dias que a ideias não batem
A vida não interessa
Os sentimentos são confusos
Abusos da ignorância
Onde todos nos odeiam
Tediosos semblantes nos rodeiam
E não saímos do chão
Sem convicção
Escondemos a vida em um vão
Do desatino
Sem destino
Sem esperanças de um amanhã
Sem crenças
Sem filtrar as ofensas
Que induzimos ao ego
Pobre ego consciente
Atrapalhando o seu SUB
Decepcionando o fan club
Decidindo pela ausência
Tem dias que as ideias não batem
A poesia não interessa
Coração não tem pressa
De expor os sentimentos
Que se entregam à carência.
Como consequência

da solidão

KG Kati 

5 comentários:

  1. Eu chamo essas fases de dias cinzentos. Em verdade é que quando não estamos bem, nada nem ninguém ao nosso redor parece bem, pois nosso interior rege o ambiente.
    Belo texto, parabéns!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, +Nardélio Luz. Obrigada, amigo, pela compreensão e comentário. Boa noite e ótima quinta-feira. Bjokas.

      Excluir
  2. e eu tenho muitos destes dias assim..... linda postagem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E quem não tem, não é +Enio Senior? Obrigada pela atenção e comentário. Boa noite e ótima quinta-feira. Bjokas.

      Excluir
  3. muito lindo, amiga.
    Ass Diane.

    ResponderExcluir

Seja bem vindo! Clique SEGUIR, seja um seguidor do blog e comente!